Trekking das Alturas - Os Gigantes do Nordeste

Passagem pela vila mais alta da Chapada Diamantina e subida às três maiores montanhas da Bahia,  subida ao Pico do itobira e caminhada inédita até o Pico do Barbado pelas costas. A trilha segue pelas oito maiores montanhas da região. Os vistantes terão uma vista completa e privilegiada da Chapada a 360º. 

Descrição dos Roteiros
1° Dia - Ponte do Coronel / Vila Portuguesa de Mato Grosso / Gerais do Mato Grosso / PIco do Itobira - Saída de Rio de Contas de carro até a  Ponte do Coronel, um balneário com vários poços e corredeiras, parada para banho e contemplação, após o banho seguiremos de carro até a vila Portuguesa de Mao Grosso, fundada em 1.718, é a primeira povoação oficial fundada na chapada, após passagem pela vila seguiremos em direção ao Mirante Bittencourt, a cerca de 1.600m de altitude, lá do alto tem-se uma vista privilegiada de grande parte da chapada como a Serra da Mesa, Pico das Almas, Pico do Itobira, Parte do Pico do Barbado, e os gerais de Rio de Contas, Serra da Tromba, etc. Após esse ponto seguiremos para o início da rilha de acesso ao Pico do Itobira, com passgem pelos Gerais de Rio de Contas, seguiremos por uma trilha antiga usada por antigos garimpeiros no tempo da mineração, quase toda parte do percurso é plana sem muitas dificuldades, após passagem pelos gerais chegaremos a uma parte alta de onde avistaremos o Pico do Itobira, seguiremos em direção a base do mesmo, até esse ponto pegaremos pequenas subidas que não requer esforços, após esse ponto seguiremos em ataque ao pico, da base ao topo leve-se cerca de 40 minutos, em subida íngreme e dificuldade elevada, ao chegar no topo montaremos o acampamento, pegaremos lá do alto o belo por do sol. Pernoite no topo.

2° Dia - Vale dos Silvanos / Serra da Mesa / Mata dos Frios / Serra Itubira - Os visitantes deverão acordar antes do amanhecer para pegar o nascer do sol no topo da segunda maior elevação da Bahia com 1.970 metros de altitude, após pegar o nascer do sol, é hora de tomar o café da manha e descer o pico e seguir em direção ao Pico do Barbado, com passagem pela Mata do Silvano, o Vale do Silvano, seguindo em direção a Serra da Mesa, até chegar na Mata dos Frios, com parada para lanche e descanso, seguiremos em direção a Serra Itubira e caminhada até os pés do Pico do Barbado com parada para descanso e montagem do acampamento.

3° Dia - Pico do Barbado por Trás / Vista Inédita do Pico do Elefante / Formações Rochosas Únicas / Forquilha da Serra - Caminhada até o topo da maior elevação do nordeste com 2.033 metros, mas antes passagem pos antigos garimpos e formações rochosas únicas em toda a chapada, em seguida chegaremos as costas do Pico do Barbado, antes de pegarmos a subida de acesso ao Pico, avistaremos o ico do Elefante pelas costas, toda a montanha lembra de fato um elefante, a caminhada rumo ao topo requer cuidados, e esforço por parte dos visitantes, do alto do Pico do Barbado os visitantes terão uma completa e privilegiada vista de toda a chapada, em dias claros é possível avistar o Morro do Pai Inácio, o Morro do Castelo no Pati, o Morrão, a Serra da Tromba, a cadeia montanhosa da Serra do Sincorá, o Pico das Almas e o Pico do itobira. Após contemplação no topo descida até um local conhecido como Forquilha da Serra, nesse local será montado o acampamento e pernoite. 

4° Dia - Pico do Elefante / Forquilha da Serra / Cachoeira do Bicho / Gerais de Rio de Contas - Subida inédita ao Pico do Elefante, segundo dados não oficiais esse pode ser a segunda maior elevação da Bahia com cerca de 1.980 metros, se esse dado se confirmar o Pico das Almas cairá para quarto e o Pico do itobira cairá para terceiro. A subida da parte inicial do Pico do Elefante é muito íngreme e requer cuidados especiais e atenção por parte dos visitantes, após a passagem pela parte inicial chega a parte semi plana com caminhada até a Cabeça do Elefante, onde o nível de dificuldade se eleva novamente até chegada ao topo. Lá do alto os visitantes terão um complemento da vista que se tem do Pico do Barbado, sendo possível avistar parte da cidade de Rio do Pires, o Morro do Pai Inácio, os gerais de Piatã e Mucugê, a Serra da Tromba, o Pico das Almas e Parte do Pico do itobira, etc. Chega a hora de descer o Pico do Elefante e volta para a Forquilha da Serra e caminhada agora segue pelo lado de Rio de Contas com banho na Cachoeira do Bicho e passagem pelos Gerais de Riio de Contas e volta para a sede. 

 

© 1998 - 2021 Rio de Contas Adventure